#ReflexãoDoDia: Cristãos que vivem gritando sobre um Deus cruel, que apenas julga e não ama.

by - 13:15

Olá leitores do Blog Irmão Baiano e Servos do Senhor. Hoje venho falar de uma assunto, que para alguns 'polêmico'. Vamos falar sobre: Cristãos que vivem gritando nas ruas  e nos ônibus sobre um Deus cruel, que apenas julga e não ama. Esta semana passei por uma experiência sobre o tema citado logo acima, quando eu estava no ônibus. Navegando no facebook encontrei uma publicação de uma antiga professora, chamada Michele Caroline, e achei bem relativo postar para vocês  relacionando a postagem que estou fazendo hoje na #ReflexãoDoDia.

Agora a #ReflexãoDoDia

"Eu sempre penso muito sobre o preconceito que alguns cristãos evangélicos ou crentes (como as pessoas costumam chamar) sofrem. Ouço, vejo, todos os dias alguém que fala mal, que ridiculariza, que nos classificam com burros, tapados... E me pergunto de quem é a culpa? Não, não é das estrelas! É nossa, cristãos que realmente sabem o sentido real do evangelho e muitas vezes não rebatemos aqueles que são objetos de manobras de pastores mercenários, que vivem gritando nas ruas sobre um Deus cruel que apenas julga e não ama! Pessoas desprovidas de senso crítico e inteligência, que envergonham o legado deixado por Jesus. Pregam e pedem respeito, mas não conseguem respeitar a religião ou crenças do próximo! Jesus um dia disse: Ame ao seu próximo como a si mesmo. Não disse ame apenas seu irmão, ou aquele da sua igreja que pensa igual a você, contudo, disse AO PRÓXIMO, que pode ser qualquer um, independente da crença, dos valores, da origem, da cor da pele... Ainda é o AMOR o sentido de tudo, da morte e ressurreição de Cristo, para dá vida aqueles que creem, e aos que não creem, eu aprendi a respeitar!  " - Michele Caroline


" Fechou e deu  Concordo :) contigo Michele. Ontem estava no ônibus e entrou um evangélico e sentou atrás de mim, no fundo. E começou a falar de Cristo, só que nesse meio tempo, ele entregou os folhetos e pelo jeito algumas pessoas não quiseram aceitar. Ele começou a meter o pau nas pessoas, pregando de uma forma sobre o inferno para as pessoas que não aceitaram os folhetos que ele entregara. Contudo fiquei calado, nesse momento não mostrei-me ser Cristão, fiquei como um ouvinte qualquer dentro do buzu, prestando atenção em tudo, como sempre faço. Deixei pra ver até que ponto ele iria. No final das contas, por causa de pessoas assim muitas começam a Odiar os Servos de Cristo e consequentemente blasfemam contra Deus. Sou a favor que fale a verdade, mas de uma forma com respeito, que todos ao final da pregação reflitam e digam: Quero conhecer esse mesmo Deus que ele serve. " - Vinycius Lopes


Leitores do Blog, compartilhe a opinião de vocês na caixa de comentário. 
Caso eu esteja errado em algum ponto, ressalte e corrija.

Envie sua #ReflexãoDoDia para o email: contatoobaianoonline@gmail.com

Fonte: Irmão Baiano

You May Also Like

0 comentários