In News

Homem que matou Pastor da Igreja Universal em BH foi condenado a 22 anos de prisão

O Homem acusado de assassinar o Pastor da Igreja Universal Chaleres Vidal de Souza, de 30 anos de idade,  em Belo Horizonte foi condenado a 22 anos de prisão e cinco meses. Em regime fechado, Reinano Francisco de Oliveira foi condenado por cometer latrocínio, o roubo seguido de morte.

O latrocínio ocorreu  em janeiro deste ano, dentro da Igreja Universal no bairro Céu Azul, a Região de Venda Nova, BH, a capital mineira.  Segundo relatos de testemunha a vítima saiu de seu carro e quando estava entrando na igreja, na qual era pastor, o assassino o seguia e anunciou o assalto dentro do templo, apontando um revolve. Então o pastor foi levado para um sala reservada do local, conhecida como sala dos obreiros. O criminoso prendeu os pulsos do pastor com fitas adesivas, porém quando foi fazer o mesmo com os pés  o pastor reagiu com um gospel no peito do acusado. O pastor e acusado entraram em vias de fatos, luta corporal, quando ele foi atingido por dois tiros na cabeça e o assaltante fugiu do local portado um aparelho celular e o carro da vítima. O caso foi julgado pelo juiz Marcelo Augusto Lucas Pereira, da 5ª Vara Criminal. 

Fonte: Irmão Baiano

Related Articles

HTM Facebook :