A volta de Cristo: Brincadeira ou Realidade ?



" Ora, quando estas coisas começarem a acontecer, olhai para cima, levantai vossas cabeças, porque a vossa redenção está próxima. " Lucas 21: 28



Ouvimos, lemos e frequentemente dizemos:"Jesus está voltando". De tanto ouvirmos e falarmos essa pequena e tão famosa frase não damos o devido valor e importância que ela merece. 

Os evangelhos de Mateus, Marcos, Lucas e João descrevem a história do Senhor Jesus, desde seu nascimento, morte e ressurreição para nos dar a vida eterna. Os últimos capítulos destes livros relatam como aconteceria a volta de Cristo, os fatos que antecedem a volta do Noivo para buscar a sua noiva; aqueles que creem em Seu nome, que Ele é o Senhor, Filho de Deus, que morreu para nos libertar do pecado nos dando a possibilidade da vida eterna do lado de Deus-Pai. 

Vemos diversas representações em relação a volta de Jesus ( antes e depois ). Normalmente em filmes com títulos " Fim dos tempos " " O arrebatamento " " Escolhidos ", porém nem sempre essas representações são fieis e condizem com o que a bíblia diz a respeito da volta de Jesus. E hoje vamos somente nos atentar e estudar sobre os eventos que precedem a volta do Messias. 

Antes de comentamos sobre os acontecimentos  vamos ler o evangelho de Marcos

E, saindo ele do templo, disse-lhe um dos seus discípulos: Mestre, olha que pedras, e que edifícios!
E, respondendo Jesus, disse-lhe: Vês estes grandes edifícios? Não ficará pedra sobre pedra que não seja derrubada. E, assentando-se ele no Monte das Oliveiras, defronte do templo, Pedro, e Tiago, e João e André lhe perguntaram em particular: Dize-nos, quando serão essas coisas, e que sinal haverá quando todas elas estiverem para se cumprir. E Jesus, respondendo-lhes, começou a dizer: Olhai que ninguém vos engane; Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos. E, quando ouvirdes de guerras e de rumores de guerras, não vos perturbeis; porque assim deve acontecer; mas ainda não será o fim. Porque se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá terremotos em diversos lugares, e haverá fomes e tribulações. Estas coisas sào os princípios das dores. Mas olhai por vós mesmos, porque vos entregarão aos concílios e às sinagogas; e sereis açoitados, e sereis apresentados perante presidentes e reis, por amor de mim, para lhes servir de testemunho. Mas importa que o evangelho seja primeiramente pregado entre todas as nações. Quando, pois, vos conduzirem e vos entregarem, não estejais solícitos de antemão pelo que haveis de dizer, nem premediteis; mas, o que vos for dado naquela hora, isso falai, porque não sois vós os que falais, mas o Espírito Santo. E o irmão entregará à morte o irmão, e o pai ao filho; e levantar-se-ão os filhos contra os pais, e os farão morrer. E sereis odiados por todos por amor do meu nome; mas quem perseverar até ao fim, esse será salvo. Ora, quando vós virdes a abominação do assolamento, que foi predita por Daniel o profeta, estar onde não deve estar (quem lê, entenda), então os que estiverem na Judéia fujam para os montes. E o que estiver sobre o telhado não desça para casa, nem entre a tomar coisa alguma de sua casa; E o que estiver no campo não volte atrás, para tomar as suas vestes. Mas ai das grávidas, e das que criarem naqueles dias! Orai, pois, para que a vossa fuga não suceda no inverno. Porque naqueles dias haverá uma aflição tal, qual nunca houve desde o princípio da criação, que Deus criou, até agora, nem jamais haverá. E, se o Senhor não abreviasse aqueles dias, nenhuma carne se salvaria; mas, por causa dos eleitos que escolheu, abreviou aqueles dias. E então, se alguém vos disser: Eis aqui o Cristo; ou: Ei-lo ali; não acrediteis. Porque se levantarão falsos cristos, e falsos profetas, e farão sinais e prodígios, para enganarem, se for possível, até os escolhidos. Mas vós vede; eis que de antemão vos tenho dito tudo. Ora, naqueles dias, depois daquela aflição, o sol se escurecerá, e a lua não dará a sua luz. E as estrelas cairão do céu, e as forças que estão nos céus serão abaladas. E então verão vir o Filho do homem nas nuvens, com grande poder e glória. E ele enviará os seus anjos, e ajuntará os seus escolhidos, desde os quatro ventos, da extremidade da terra até a extremidade do céu. (Marcos 13:1-27)


Estamos vendo o cumprimento das palavras ditas por Jesus há 2 mil anos e listamos elas para nos atentarmos sobre os fatos/eventos descrito e predito na Bíblia. 

- Muitos tentaram enganar o meu povo dizendo: Eu sou o Cristo
- Guerras entre nações e povos.
- Serão mortos por amor ao meu nome.
- Se levantarão inimigos dentro de suas próprias casas por causa do amor ao evangelho.
- Doenças e pestes nunca vistas.
- Fome e miséria decorrentes do amor que se esfriou no coração de muitos.
- Terremotos e outros abalos causados pela natureza.


Yeshua nos deixou o alerta de estarmos atentos a todos esses eventos. Já somos telespectadores neste século de cada um deles. Suas palavras descritas na bíblia estão se cumprindo. Não é brincadeira, é realidade inquestionável. Quando todas e outras coisas mais se cumprirem  os anjos sobre a ordem do Senhor ajuntarão os escolhidos, aqueles que suportaram todas as aflições, que não negaram o Seu nome e não retrocederam, e arrebatará os que foram íntegros e fieis ao Senhor para a extremidade do céu. É tempo de vigiarmos e nos atentarmos para não perdermos o passaporte da vida eterna. 


Fonte: Irmão Baiano


Irmão Baiano

O Blog Irmão Baiano reuni conteúdos do mundo cristão com notícias e música gospel, coberturas e entrevistas, estudos e artigos bíblicos. Contribua conosco dando a sua opinião sobre esta postagem.