In Mensagem

Cristão pode comemorar o Halloween ?





A Data comemorativa do Halloween está chegando, dia 31 de Outubro. O Halloween que também é conhecido como o Dia das Bruxas surgiu através do povos Celtas que acreditavam que no último dia de Verão (31),  os espíritos saiam dos cemitérios para tomar posse das pessoas, visitar seus familiares, além de amaldiçoar os animais e colheitas. 

O Halloween - Dia das Bruxas é de origem pagã, e fortemente comemorado pelo grupo das nações anglofônica, países que falam a língua inglesa. O grupo é composto por:  Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, Austrália, Irlanda, África do Sul, Nova Zelândia, Jamaica,  Singapura, Trinidad e Tobago. 

Os povos celtas acreditavam que para assustar e afastar estes espíritos e malignos todos precisavam seguir alguns rituais, tais como: colocar caveiras, abóboras, ossos etc, na porta de casa. Entre as atividades realizadas no Dia das Bruxas estão as festas fantasias, assistir filmes de terror, sair pedindo doces e declarando a famosa frase "Doces ou travessuras?" que é um espécie de chantagem feita na grande maioria por crianças, mas também com participação de adultos. Se por algum motivo os moradores são derem doces, as crianças praticam travessuras, e as mais comuns são sujar a frente das casas com papel higiênico ou spray de espuma.  

E nós cristão podemos comemorar a Festa das Bruxas ?

É lógico que não. O que parece algo inocente, sem nenhum malefício, abre diversas legalidades para que espíritos malignos, DEMÔNIOS, possam entrar na vida de uma pessoa, trazendo maldições de todos os tipos. Em Levítico 19:31 a palavra do Senhor nos diz: “Não recorram aos médiuns nem busquem a quem consulta espíritos, pois vocês serão contaminados por eles. Eu sou o Senhor, o Deus de vo­cês.” Entendemos que o Halloween envolve rituais-feitiçarias-consagrações, ações que são contrárias as verdades bíblicas, e que desagradam a Deus.

No livro de Deuteronômio 18:10-12 o Senhor alerta ao seu povo para não se envolver com o ocultismos, comemorações pagãs e com aqueles que praticam tais obras: “Não permitam que se ache alguém entre vocês que queime em sacrifício o seu filho ou a sua filha; que pratique adivinhação, ou dedique-se à magia, ou faça presságios, ou pratique feitiçaria ou faça encantamentos; que seja médium ou espírita ou que consulte os mortos. O Senhor têm repugnância por quem pratica essas coisas...” 


A Bíblia, no novo testamento, relata a salvação daqueles que deixaram as práticas do ocultismos, que se enquadra ao Dia das Bruxas, mas também nos alerta sobre o que poderá acontecer com os que praticam. Em Atos 19:18-19 muitos se arrependeram, deixaram as más obras e foram salvos através da pregação da palavra: “Muitos dos que creram vinham, e confessavam e declaravam abertamente suas más obras. Grande número dos que tinham praticado ocultismo reuniram seus livros e os queimaram publicamente. Calculado o valor total, este chegou a cinqüenta mil dracmas.”

Em Atos 13:9-11 Paulo e Barnabé foram guiados pelo Espírito Santo para Chipre. Chegando em Salamina encontraram um Judeu chamado de Barjesus, que praticava magia e era falso profeta. E a palavra nos diz: “ Então Saulo, também chamado Paulo, cheio do Espírito Santo, olhou firmemente para Elimas (significado do nome Barjesus) e disse: "Filho do diabo e inimigo de tudo o que é justo! Você está cheio de toda espécie de engano e maldade. Quando é que vai parar de perverter os retos caminhos do Senhor? Saiba agora que a mão do Senhor está contra você, e você ficará cego e incapaz de ver a luz do sol durante algum tempo". Imediatamente vieram sobre ele névoa e escuridão, e ele, tateando, procurava quem o guiasse pela mão. ” 


Entendemos então que o Halloween - O Dia das Bruxas é algo repugnante ao Senhor e que devemos estar atentos acerca desta comemoração, e outras, para não adorarmos outros deuses, fazermos contato com demônios e darmos legalidades para os mesmos em nossa vida. E para não ficar somente em minhas palavras vos deixou duas passagem para reflexão:

“Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de aborrecer-se de um e amar ao outro, ou se devotará a um e desprezará ao outro…” (Mateus 6:24)

“Não vos ponhais em jugo desigual com os incrédulos; porquanto que sociedade pode haver entre a justiça e a iniqüidade? Ou que comunhão, da luz com as trevas? Que harmonia, entre Cristo e o Maligno? Ou que união, do crente com o incrédulo?” (2 Coríntios 6:14-15)


Fonte: Irmão Baiano

Related Articles

HTM Facebook :