Entrevista com a Banda Primícias Roots

by - 20:06


É com grande alegria que trago mais uma super entrevista. Dessa vez o bate-papo será sobre meus conterrâneos, de Salvador-Bahia, a Banda  Primícias Roots. Cristiano Ramos, representante do grupo, concedeu uma entrevista exclusiva ao Blog Irmão Baiano. Conheci este maravilhoso trabalho através do Jefferson Pereira, amigo em comum com o vocalista. Desde então acompanho um pouco do trabalho deles, e hoje venho apresentar a vocês. Vocês vão conhecer um pouco da história, influência musical, superação, novo trabalho e planos. Desejo uma boa leitura a todos! 

(Reprodução/Facebook)

A Banda Primícias Roots nasceu no ano 2000 com missão de paz e objetivo de compartilhar a palavra de Deus através de um estilo e musicalidade alternativa no meio cristão. Há 16 anos na estrada, através de um dos ritmos da Jamaica, o reggae, o grupo fez e está fazendo história na Bahia. 

Em 2007 a Banda participou pela primeira vez do Marcha Para Jesus em Salvador que reuniu mais de 100 mil pessoas.  O grupo lançou dois álbuns chamados “Alarme Falso” (2009) e “Um Lugar” (2015), e em 2016 a Banda participou do Festival da Cultura Evangélica que reuniu mais de 60 mil pessoas na capital baiana. A Banda reuni música de sucesso como “Socorro”, “Pai das Luzes”, “Alarme Falso" , “O Beijar Flor a Flor”, “Dignidade” e “Um Lugar”.


1 - Como surgiu a Banda Primícias Roots, por que este nome, e quem compõe a Banda atualmente ?

(Reprodução/ Site da Banda)

R: Trata-se de um ponta pé inicial de uma turma  que se reuniu para celebrar um festival na igreja e juntamos com o irmão Gui, que fazia parte do louvor,  montamos um momento de louvor e ali nos identificamos com o reggae que tinha no repertório e dai então surgiu essa nossa batalha.

Quanto ao nome refere-se a oferta, não com prepotência, mas com o coração de servo, pois nos esforçamos para dar o nosso melhor, as primícias. E “Roots”, que significa, o melhor da raiz.


A Banda é formada por mim, Cristiano Ramos no vocal e guitarra; Rute Castro e Emily Oliver, bacaking vocals; Nino Figueredo, guitarra; Rodrigo Rosa, bateria; Joaldo Araújo e Leão Lamarão, teclados; Marcão Saulo, contra-baixo; Léo Fusca, trompete; Laércio Reis, trombone e Roney Costa no Saxofone.



2 - Quais as principais influências musicais para a Primícias Roots ?


R: A minha especificamente (Cristiano Ramos) que fui criado literalmente no evangelho, quem me veio como influência inicial foi o Nengo Vieira. E ao longo dos anos, a título de estudos, trabalhos e aperfeiçoamentos fomos adicionando outras vertentes de outras lendas do reggae, como a nível nacional  a Banda Ponto de Equilíbrio, que eu admiro muito a performasse e a expressão. Também o próprio Bob Marley, e Sine Calmon que gosto muito do trabalho, mas sendo Deus a nossa maior fonte de inspiração.  Raramente uma banda de reggae vai executar algo sem absorver outras bandas como estudo e influência.



3 -  Eu ganhei o novo CD Um Lugar e percebi uma grande diferença em relação ao álbum Alarme Falso lançado em 2009. Gostaria de saber de que maneira  as novas músicas diferem das antigas e o que este trabalho vem trazendo para a galera? 


(Reprodução/Facebook)


R: O que diferente um Cd do outro é que o primeiro focamos e enfatizamos o conteúdo Cristianismo, especificamente. Já o Cd Um Lugar  trazemos uma proposta para que ele abrangesse o campo onde as pessoas não deram, talvez, uma atenção no primeiro álbum, com a visão de alcançar o grego e o troiano. É um CD que Jesus nos deu a graça de escrever, e sendo nós ovelhas deste pasto, trazendo também uma filosofia que chame atenção e agrade aqueles que ainda não servem, para entenderem que nós somos servos de Deus e falamos de amor, paz, paixão, fé, Deus e a vida em um todo.



4 - Qual a principal música de trabalho do CD “Um Lugar”  ?


R: Temos como foco e trabalhando ultimamente  a música Dignidade. É uma composição minha, por graça e misericórdia, junto com o nosso irmão Nivaldo Cerqueira. E em segunda pauta o próprio titulo do Cd, a canção “Um Lugar, que é uma canção que eu amo muito e aposto as fichas nela.





5 - Um dos grandes sucesso do Primícias foi  “Socorro”, faixa do CD Alarme Falso . É fato que através desta canção a banda tornou-se conhecida em Salvador. Gostaria de saber como ocorre o processo de composição e qual a fonte de inspiração ?


R: Foi um presente de Deus essa canção. A Banda se encontrava no período de férias, e na época teve alguma coisa a titulo de violência e guerras (notícia), o que infelizmente até então não atualizou, não mudou, mas precisamente falando. E Deus nos deu a graça da canção. Quando o pessoal voltou apresentamos e foi uma paixão a primeira vista de modo geral. Sou feliz por Deus ter me dado essa canção.




6 - No ano 2000 surgiu a Primícias Roots, e imagino que vocês enfrentaram (enfrentam) no meio cristão preconceito e discriminação pelo gênero da banda. Como vocês lidam com isso ?


R: E no inicio muito mais resistência até por conta da aparência, o estilo, e vertente musical. Enfrentamos muitas resistências, muitas paredes altas. E ao longo dos anos Deus foi dando a graça das pessoas, lideranças, produtoras gospel, e igrejas foram entendo que nossa aparência indifere do nosso compromisso e da nossa aliança com Deus. E hoje, apesar de algumas ainda resistirem, tem sindo muitas vezes menor.


7 - Como vocês avaliam a musicalidade cristã através do reggae no Brasil neste momento? 


R: A minha concepção quanto a musicalidade gospel e baiana, afro-descendente, se tratando do reggae, rap e das músicas negras representadas no nosso meio, eu acho que ainda há uma grande  necessidade de abraços. Entendendo que o mundo se fortalece cada vez mais com as suas vertentes musicais, com os seus conteúdos, e o povo de Deus se esforça para avançar e abranger nas vertentes, alcançando vidas. Ainda há uma resistência por parte das produtoras, lideranças, pastores, para agregar em suas atividades segmentos musicais alternativos, como o nosso, o reggae. Imensos talentos e belos existem no cenário musical baiano e brasileiro, mas para aqueles que tem menos grana, para se auto produzir, ainda é encontrado muitas dificuldades.


8 - Toda Banda tem um boa história para contar, e com a Primícias Roots não seria diferente. Qual a maior experiência com Deus vivenciada pelo grupo ?


R: A título de experiências entre as doces e amargas: A doce que fomos fazer um show em Aracaju onde subestimamos o local, público e fomos surpreendidos depois de executar as três primeiras músicas, com a casa lotada, e ao final Deus ministrou na vida de cada componente, onde terminou o show, passou quase 30 minutos de ministração, pegando fogo.  Foi algo que marcou a nossa vida, foi muito lindo, para glória de Deus. Foi marcante!


9 - A Primícias Roots participou da terceira edição do Festival da Cultura Evangélica de Salvador. E nos contou um pouco da expectativa antes de subir ao palco.

R: A expectativa foi a melhor de todas, estávamos preparados, empenhados e envolvidos com o movimento. Para nós foi um a honra, diante de 54 perolas participando das audições, passarmos na primeira audição em primeiro lugar. Na segunda chamada, entre as 10, ficar entre as primeiras. Damos o nosso melhor e com toda certeza Deus deu o melhor dele, que foi preparado para nossa vida. Foi uma benção este dia. 





10 - Deixe um recado para todos que acompanham a Banda Primícias Roots e leitores do Blog Irmão Baiano ?

R: Nós agradecemos à atenção e carinho de todos. É uma honra para nós está participando. E ao que esperar estamos mobilizando e revitalizando o trabalho, e em breve virá o novo CD “Pescadores”, materiais novos para o site, redes sociais, e contamos com o apoio de todos. Que Deus possa abençoar rica e poderosamente esse projeto, e que a graça de Deus se externe a cada um dos irmãos, que venham ler esta entrevista. Paz e Bem a todos. Deus no comando!

______________________________________




Acompanhe ou entre em contato com a Primícias Roots nas redes sociais




Site: www.bandaprimiciasroots.com.br
Facebook: www.facebook.com/primiciasrootsoficial
Email: cristiano_ramos_@hotmail.com
Telefone e Whats: (71) 98616 - 9238.
Baixe o CD Alarme Falso


Agradeço ao Cristiano Ramos e Banda por aceitarem o convite do Blog Irmão Baiano para serem entrevistados. Que Deus continue abençoando a Primícias Rotts e que pessoas através desta entrevista venham conhecer o ministério, sejam tocadas através das canções e se tornem intimas do Pai, Jah.


Fonte: Irmão Baiano


You May Also Like

0 comentários