“Fui salvo através do Rock Cristão” diz Daniel.

by - 19:43


Você vai acompanhar o testemunho do jovem Daniel (sobrenome não identificado)  que foi tocado, conheceu e aceitou Jesus através da vertente cristã dentro do gênero Rock. O comentário foi publicado no Blog Estereotipo, do Anderson Butilheiro. Esta postagem faz parte do texto  “Qual estilo musical de Deus?”  compartilhado aqui em meu blog. Espero que tenha uma ótima leitura!




 “A PAZ DO SENHOR!

Não quero criticar ninguém, pois somente Deus é Juiz de nossos atos.

Mas gostaria de compartilhar com todos a minha opinião. Falo por mim neste momento, mas poderia listar muitos novos irmãos de fé que chegaram a Jesus da mesma maneira que eu, e assim como eu, nunca teriam se interessado, nunca teriam tido apoio e sido incitados a encontrar uma congregação e lá descobrir o Amor que existe em Deus, e o espírito fraternal dos irmãos, se não tivessem sido tocado por meios “alternativos”, pouco convencionais para aqueles que estão presos na tradição e no “religiosismo”, como é o caso do rock gospel.

-No meio onde vivia, a palavra do Senhor nunca teria chegado a mim se não fosse pelo rock evangélico.-

Sinceramente, os “crentes” das minhas vizinhanças NUNCA se achegaram a mim com amor e carinho; nunca me trouxeram a palavra, pelo contrário, atravessavam a rua, com nojo ou medo da minha aparência. Ao invés do evangelho, eu via críticas, reprovação, nojo, medo… Já o inimigo satanás, me oferecia todos os prazeres do mundo através do seu engano e mentira.

Mas quando eu menos esperava, quando tudo o que eu tinha recebido através do erro me foi tirado, quando comecei a ser cobrado pelo que tinha ganhado, a esperança chegou a mim, fui tirado da fome física e espiritual, fui tirado praticamente da rua, para uma casa, uma família e para a benção de Deus. Jesus me salvou… Me resgatou…

Tenho certeza que não foi o inimigo, a serpente ou o enganador quem me afastou das drogas, das bebidas, cigarros e libertinagem em que eu vivia. Foi Deus, e com o uso da mensagem do evangelho, dentro das melodias do rock, pois esse era o meio mais rápido pelo qual eu poderia ser salvo. Jesus também usou as pessoas que eu menos esperava para alcançar meu coração, e eu, que odiava de morte os “crentes’, assim como o cristianismo e suas “correntes”, como eu chamava, hoje sou mais um arrependido do passado, buscando o amor de Deus e a vida eterna.

Concordo que dentro da Igreja há de haver reverência e respeito ao Senhor dos Exércitos, pois lá estamos para O adorar. Porém estamos em uma guerra por almas, e como arma evangelística nas ruas, nos becos, nas noites, o rock tem sido arma muito eficaz.
Também concordo que infelizmente o inimigo infiltra-se nestes meios para os desmoralizar, o que se torna bem mais fácil, levando-se em conta o pré conceito típico dos tradicionalistas, mas pergunto: Em qual meio o inimigo não tenta (e muitas vezes consegue!) infiltrar-se? Desde músicos consagrados e pastores famosos aos mais insignificantes aspectos da vida cristã… Assim como há erro e engano no rock gospel, há erros e enganos em todos os outros estilos, idéias e momentos da nossa compreensão falha, humana. Cabe a nós obviamente pedir a intervenção do Espírito Santo para mudar isso e nos mostrar o caminho correto.

“Fiz-me fraco para com os fracos, com o fim de ganhar os fracos. Fiz-me tudo para com todos, com o fim de, por todos os modos, salvar alguns.” – 1 Coríntios 9.22

Repito que vejo o rock, o hip hop, o rap, o sertanejo, etc, como meios de evangelismo, para trazer pessoas como eu era aos pés do PAI, o problema é que muitos preferem criticar a compreender os meios de Deus, que como diz a Santa Palavra, “escreve certo por linhas tortas.” Creio que (e Jeová me perdoe caso eu faça mal juízo), muitas banda de rock (tão criticadas por seu ministério…), já levaram bem mais pessoas a segurar nas mãos de Jesus do que a grande maioria do cristãos que criticam meios diferentes de levar a mensagem da cruz adiante, mas não levantam do estupor de suas cadeiras cativas no templo para agir.

Deus sacrificou seu próprio Filho em prol da humanidade, porquê não pode sacrificar a arrogância e preconceito de alguns para aumentar as almas de Seu Reino???

“guiado pelo Espírito Santo
nunca estou sozinho
e eu sei aonde ir
vou seguindo com o meu ideal
já não temo o mal
sou guerreiro de Deus”

(Mensageiro, Metal Nobre)

Deus nos abençoe a todos!”

Fonte: Irmão Baiano

You May Also Like

0 comentários