In Mensagem

Carta de natal não para Papai Noel, mas para os Pais


Esta carta de natal não é para o papai noel, mas para os pais. 




Eu sempre sonhei com o dia 25. E quem não sonhou ? Vivia toda virada de 24 à 25 aquela expectativa de acordar, encontrar brinquedos dos sonhos  materializado na gaveta, debaixo da árvore de natal, nos lugares mais inusitados da casa que Papai Noel poderia deixar, mas não deixava! Papai noel mais uma vez errou o endereço, houve um imprevisto, o que aconteceu ? Mais um ano sem os presentes sonhados. 
Novamente dezembro se aproximava. Papai Noel ressurgia após 10 meses de sumiço, e assim como o Aladdin, gênio da lâmpada, meus desejos seriam atendidos por ele. Pelo menos um deveria ser!

Após dormir acreditava que Papai Noel iria entrar de alguma maneira em minha casa, apesar de não existir chaminé nela. Eita felicidade! Não existia um horário certo para a chegada do bom velhinho, mas com toda certeza ele não entraria na minha residência enquanto eu estivesse acordado.

Amanhecia, o primeiro pensamento que vinha era: Meus presentes! O velhinho gordinho, de barba brancas, com um saco vermelho, com botas pretas passou por aqui. E novamente aquela maravilhosa expectativa. Vasculhava a casa por inteiro, minuciosamente, e ao final cade meu presente ? Alguém poderia me explicar o por que todos os anos isso acontece ?

Era ainda mais frustante ligar a televisão e vê um monte de crianças recebendo aquilo que pediram por cartas ou por orações. E eu ? Nada, só chupando dedo. Não entendia o porque o bom velhinho não concedia os meus pedidos.  Não falava abertamente sobre meu sentimento, ficava triste, e no  fundo não era só tristeza, eu sentia falta de algo, e mais uma vez me sentia esquecido.


Essa é minha carta para vocês pais. Talvez seus filhos já passaram ou vão passar pela mesma situação que eu vivenciei quando criança, ao sonhar com aquilo que meus pais e a mídia ilustrava em minha mente, ao sonhar com um senhor que concedia os meus desejos. E com certeza milhões de crianças neste mundo estão sonhando com mais um 25 de dezembro e serão frustadas e feridas nos sonhos e na alma.  

Pais, as crianças são o futuro da sua família e da humanidade, cuidem delas. Reflitam em quantas irão crescer desconfiadas e traídas, sem acreditar que poderão conquistar sonhos, que nunca poderão ser correspondidas, tudo por causa de uma figura lendária (mentira) impregnada por vocês e sociedade em suas mentes.

Contar as crianças que papai noel é uma lenda não é ser rude, mas honesto e verdadeiro com seus filhos sobre os fatos e realidades da vida. Vocês ensinaram sobre a verdade preservaram a saúde mental que está em desenvolvimento, pois a mentira ode causar: Decepção,  sentimento de fracasso, desconfiança, ressentimento, desrespeito, desinteresse e ruptura.

Pais, não é melhor ser sincero e aberto, segundo o entendimento da criança, que tudo o que ele(a) ganha é conquistado através de muito trabalho, honestidade, verdade e permissão de Deus ? Ao ter uma conversa aberta com seus filhos vocês ensinam quem nem tudo se pode ganhar no momento em que se deseja, que há tempo para todas as coisas, contribuindo para uma maturidade cerebral, evitando frustrações e transtornos psicológicos.  Se hoje vocês propagam mentiras, que alguns chamam de mentirinhas, na vida das crianças, amanhã quando elas se tornarem adultas vocês não poderão cobra-las acercas de algumas mentiras e ações.


Pais a bíblia relata em Filipenses 4:8  como devemos agir, e que toda ação seja para louvor do nome do Senhor. Reveja e faça uma análise na palavra sobre o que vocês estão ensinando aos filhos. E que este texto possa impedir que outras crianças venham a ser frutadas em seus sonhos de infância.

"Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai." 


Fonte: Irmão Baiano

Para você ler