Avivamento: O que é? Avivamento no Brasil

by - 21:12


“Vocês ficarão sabendo que eu estou com vocês; saberão que eu, o Senhor, sou o seu Deus
e que não há nenhum outro Deus. E o meu povo nunca mais será humilhado.” O Senhor diz ao seu povo: “Depois disso, eu derramarei o meu Espírito sobre todas as pessoas: os filhos e as filhas de vocês anunciarão a minha mensagem; os velhos sonharão, e os moços terão visões.” Joel 2: 27-28

Avivamento: Ato ou efeito de avivar-se, de se tornar mais vivo, mais ativo, mais intenso, despertado e nítido -, período de renovação espiritual.

O avivamento é a vontade Deus de transformar algo. O avivamento é gerado no individual, que gera o coletivo. Nasce no secreto, é gerado no lugar de intimidade, no local de mergulho profundo. Então a vontade do coração de Deus queima no coração humano trazendo transformação em todas as esferas da sociedade.

“Por trás dos grandes avivamentos da história, encontramos pessoas que se dedicaram a uma busca intensa e uma vida mergulhada na oração.”

No evangelho escrito por Mateus diz: “Mas você, quando orar, vá para o seu quarto, feche a porta e ore ao seu Pai, que não pode ser visto. E o seu Pai, que vê o que você faz em segredo, lhe dará a recompensa.” 6:6

Jesus não disse que seriamos recompensados publicamente, mas é inevitável não vermos a manifestação pública daquilo que vem da parte de Deus. Neste lugar, lugar de oração, nasce o avivamento no coração do homem que tanto lemos, cantamos e pedimos. No lugar de oração somos transformados de dentro para fora. No lugar de oração o caráter do homem é transformado. Aqueles que frequentam o lugar de oração vive literalmente entregue ao agir do Espírito Santo e apaixonado por cumprir a vontade de Deus.

Sabe quando estamos apaixonados? No inicio não contamos a ninguém. Não contamos por diversos motivos, mas chega o momento que não conseguimos mais guardar e esconder a paixão presente no coração. Então queremos expor para o mundo o quanto estamos apaixonados e com quem estamos envolvidos.  Assim é o avivamento, chega o momento que não conseguimos escondê-lo, pois nossas ações, as mudanças expõem a presença de Deus e aqueles que estão ao redor são atraídas e contagiadas a conhecerem esse fogo que queima no coração.


Em 2 Crônicas 7:14  diz: “Então, se o meu povo, que pertence somente a mim, se arrepender, abandonar os seus pecados e orar a mim, eu os ouvirei do céu, perdoarei os seus pecados e farei o país progredir de novo.”

No livro histórico de crônicas encontramos os alicerces do avivamento:

Primeiro: Se humilhar.

Significa sujeitar-se e render-se a uma autoridade. Aquele que se sujeita não faz mais a sua vontade, mas a de alguém. “Portanto, obedeçam a Deus e enfrentem o Diabo, que ele fugirá de vocês. Humilhem-se diante do Senhor, e ele os colocará numa posição de honra.” Tiago 4:7,10

Segundo: Oração.

Os apóstolos perseveraram em oração e como consequência viveram movidos no Espírito, influenciando, transformando a realidade ao redor e realizando muitos milagres e maravilhas. “Muitos acreditaram na mensagem de Pedro e foram batizados. Naquele dia quase três mil se juntaram ao grupo dos seguidores de Jesus.  E todos continuavam firmes, seguindo os ensinamentos dos apóstolos, vivendo em amor cristão, partindo o pão juntos e fazendo orações.” Atos 2:41-42

Terceiro: Arrependimento.

É o ato de mudança de atitude e a decisão de viver a vida de forma diferente. Se arrepender implica em separar-se do pecado. O que Deus já te pediu? O que o Espírito Santo ministrou em seu coração e você não fez? Aquilo que Deus te pediu e você não se sujeitou está te impedindo de mergulhar mais profundo na presença dEle. “Pois são os pecados de vocês que os separam do seu Deus, são as suas maldades que fazem com que ele se esconda de vocês e não atenda as suas orações.” Isaías 59:2

Quarto: Comunhão. 

Para que haja transformação em todas esferas da sociedade é necessário todos estarem em sintonia de pensamento e propósito. Uma das últimas orações de Jesus foi para que seus discípulos estivessem em sintonia entre si e comunhão profunda com Deus, sendo um. Os apóstolos foram cheios do Espírito Santo quando estavam reunidos, obedecendo a ordenança de Jesus.  “E afirmo a vocês que isto também é verdade: todas as vezes que dois de vocês que estão na terra pedirem a mesma coisa em oração, isso será feito pelo meu Pai, que está no céu. Porque, onde dois ou três estão juntos em meu nome, eu estou ali com eles.” Mateus 18:19-20


Humilhação, oração, arrependimento e comunhão são os alicerces do avivamento.


Há uma palavra liberada sobre o Brasil.

Há alguns anos recebemos a profecia que algo novo aconteceria na igreja brasileira. Ouvimos que o Brasil se encheria do conhecimento e da glória de Deus de norte a sul, de leste a oeste, e seria abalado na política, economia e na igreja. Há uma palavra liberada: Um e último vinho novo a ser derramado sobre a igreja mundial através da nação brasileira, sendo resposta de oração e incendiado outras nações, se cumprindo a palavra profética em Joel e Atos sobre os últimos dias. 


Avivamentos como o da Rua Azuza e do País de Gales, que marcaram a história e continuam a transformar vidas, começaram quando Deus encontrou pessoas dispostas a manifestarem o reino e  insatisfeitas com os padrões deste mundo.  

O que, de fato, está acontecendo é o que o profeta Joel disse: “É isto o que eu vou fazer nos últimos dias — diz Deus: Derramarei o meu Espírito sobre todas as pessoas. Os filhos e as filhas de vocês anunciarão a minha mensagem; os moços terão visões, e os velhos sonharão. Sim, eu derramarei o meu Espírito sobre os meus servos e as minhas servas, e naqueles dias eles também anunciarão a minha mensagem. Em cima, no céu, farei com que apareçam coisas espantosas; e embaixo, na terra, farei milagres. Haverá sangue, e fogo, e nuvens de fumaça; o sol ficará escuro, e a lua se tornará cor de sangue, antes que chegue o grande e glorioso Dia do Senhor. Então todos os que pedirem a ajuda do Senhor serão salvos.”

Você está disposto a viver o desejo do coração de Deus em relação ao Brasil? Você é responsável pelo avivamento. Há uma promessa sobre a nação brasileira, e não passará de nós, da nossa geração.  Mas para isso é necessário:

Se humilhar,
Ter vida de oração,
Se arrepender dos pecados e erros,
E viver em comunhão.


Autoria: Blog Irmão Baiano / Viny Lopes

You May Also Like

0 comentários